Lama biliar: O que é, Sintomas e Tratamento

0
6


A lama biliar, também conhecida como barro biliar ou areia na vesícula, surge quando a vesícula biliar não consegue esvaziar completamente a bile para o intestino e, por isso, o colesterol e os sais de cálcio vão se acumulando e deixando a bile mais espessa.

Embora a lama biliar não provoque problemas graves de saúde pode dificultar ligeiramente a digestão, causando uma sensação frequente de má digestão. Além disso, a presença de lama também aumenta o risco de ter pedras na vesícula.

Na maioria das vezes, a lama ou areia biliar pode ser tratada apenas com alterações na dieta, sendo que a cirurgia só é necessária quando a vesícula fica muito inflamada e provoca sintomas intensos.

Principais sintomas

Na maioria das vezes a lama na vesícula não provoca qualquer sintoma, sendo identificada aleatoriamente durante um ultrassom da barriga. No entanto, também é possível que surjam sintomas semelhantes à pedra na vesícula, como:

  • Dor forte no lado direito da barriga;
  • Náuseas e vômitos;
  • Fezes semelhantes a barro;
  • Perda de apetite;
  • Gases;
  • Distensão abdominal.

Estes sintomas são raros porque a lama, embora dificulte o esvaziamento da vesícula, não impede seu funcionamento e, dessa forma, são raros os casos em que a vesícula inflama e causa sintomas.

Anúncio
Liberdade Financeira de Verdade!

Quando a lama não é identificada e também não causa sintomas, é muito comum que a pessoa não faça qualquer tipo de mudança na dieta e, por isso, poderá acabando desenvolvendo pedras na vesícula, que surgem quando a lama fica mais dura ao longo do tempo.

Veja os principais sintomas de pedra na vesícula.

Possíveis causas da lama biliar

A lama surge quando a bile fica muito tempo na vesícula e é mair comum em mulheres e em pessoas que possuem alguns fatores de risco, como:

  • Diabetes;
  • Excesso de peso;
  • Perda muito rápida de peso;
  • Transplante de órgãos;
  • Uso de anticoncepcionais;
  • Várias gestações;
  • Realização frequente de dietas.

Além disso, mulheres no último trimestre de gestação também parecem ter maior risco de ter lama na vesícula, principalmente devido às grandes alterações que o corpo sofre durante a gestação.

Diagnóstico da lama biliar

O gastroenterologista é o médico indicado para realizar o diagnóstico da lama biliar, que é feito por meio de exame físico e avaliação dos sintomas apresentados pela pessoa. Além disso, o médico pode solicitar a realização de alguns exames de imagem, como ultrassom, ressonância magnética, tomografia ou uma varredura biliar.

Como é feito o tratamento

Em muitos casos, não é necessário qualquer tipo de tratamento para a lama biliar, especialmente se não provocar qualquer tipo de sintoma. Porém, como existe maior risco de desenvolver pedras na vesícula o médico pode aconselhar consultar um nutricionista para iniciar uma dieta pobre em gordura, colesterol e alimentos salgados.

Veja como deve ser a dieta para quem tem problemas na vesícula:

Alimentação para PEDRA na VESÍCULA

814 mil visualizações

Quando é necessário cirurgia

Normalmente é preciso operar quando a lama biliar está provocando sintomas intensos ou quando, durante o ultrassom, também são identificadas pedras na vesícula. Na maioria dos casos a cirurgia é feita apenas como forma de prevenir que os canais biliar fiquem obstruídos, causando uma inflamação grave da vesícula que pode colocar a vida em risco.





Fonte do Artigo
Tag:
#emagrecimento #dieta #emagrecer #fitness #saude #vidasaudavel #reeduca #nutricao #fit #foco #alimentacaosaudavel #lowcarb #treino #oalimentar #gym #academia #emagrecercomsaude #nutricao #dietasemsofrer #comidadeverdade #foconadieta #alimenta #perderpeso #qualidadedevida #hipertrofia

Anúncio

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here